Notícias » Estados Unidos

Coração de porco é transplantado com sucesso em humano

O caso pioneiro aconteceu nos Estados Unidos e pode revolucionar a medicina; entenda

Penélope Coelho Publicado em 11/01/2022, às 09h37

Imagem ilustrativa de sala de cirurgia
Imagem ilustrativa de sala de cirurgia - Divulgação/Pixabay/sasint

Na última segunda-feira, 10, a Maryland Medical School divulgou uma importante conquista de médicosnorte-americanos. Na última sexta-feira, 7, os profissionais conseguiram transplantar com sucesso o coração de um porco em um humano.

Segundo os especialistas, o órgão em questão foi geneticamente modificado, já que o paciente, David Bennett, de 57 anos, não tinha condições de receber um coração humano.

Segundo informações da agência de notícias AFP, o porco — animal escolhido por seu tamanho — que doou o coração pertencia a um rebanho que passou por um procedimento de modificação genética.

O objetivo foi remover um gene que produz um açúcar. Os médicos acreditam que essa parte em questão produzia uma resposta imune intensa, o que fazia com que o corpo do paciente rejeitasse o órgão.  

O coração escolhido foi deixado em uma máquina que o preservou antes do procedimento. Além disso, os especialistas também utilizaram um novo medicamento em parceria com substâncias já utilizadas, para impedir que o órgão fosse rejeitado.

Para a equipe médica, o sucesso da cirurgia em Bennett pode ajudar no setor de transplantes de órgãos.

"Esta foi uma cirurgia revolucionária e nos deixa um passo mais perto de resolver a crise de escassez de órgãos", afirmou o responsável por transplantar o coração do porco, Dr. Bartley Griffith.