Notícias » Estados Unidos

Coronavírus: Donald Trump afirma ser contra o uso obrigatório de máscara

O presidente americano fez mais uma revelação polêmica, enquanto isso, os Estados Unidos apresenta quase 150 mil mortos pela Covid-19

Alana Sousa Publicado em 19/07/2020, às 11h00

Donald Trump, presidente dos Estados Unidos
Donald Trump, presidente dos Estados Unidos - Getty Images

Em entrevista à Fox News, que será reproduzida completa hoje, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, fez mais uma declaração polêmica, dessa vez envolvendo um dos principais métodos de prevenção do coronavírus: a máscara facial.

No trecho apresentado da conversa, o líder afirma ser contra o uso obrigatório de máscara, inclusive já fez várias aparições públicas em que não estava usando o item.

“Eu acho que a máscara é um bem, mas quero que as pessoas tenham uma certa liberdade. Não acredito que seja necessário levar em consideração uma obrigação em nível nacional. E não estou de acordo com quem diz que se usarmos máscara, a pandemia desaparece”, alegou Trump.

Por outro lado, Anthony Fauci, o diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas (NIAID) e líder da força-tarefa do governo, pediu paras que os governadores de Estado fossem mais incisivos para que a população use máscara e ajude a frear o crescimento de casos.

Os Estados Unidos ainda é o país a apresentar o maior número de infectados e de mortos pela pandemia do novo coronavírus. Até agora, 3.781.985 de pessoas contraíram a doença, e 142.229 perderam a vida para essa doença que vem assolando o mundo.