Notícias » Estados Unidos

Corpos são encontrados em rio após 21 anos

Os restos mortais foram achados por um Youtuber, no estado norte-americano do Tennessee

Redação Publicado em 09/12/2021, às 11h30

O youtuber encontrou um carro com dois corpos
O youtuber encontrou um carro com dois corpos - Divulgação / Youtube / Exploring with Nug

Um Youtuber norte-americano encontrou, recentemente, dois corpos em um rio, no estado do Tennessee, nos EUA. Ao que tudo indica, os restos mortais seriam de dois jovens que desapareceram há 21 anos.

Erin Foster, de 18 anos, e Jeremy Bechtel, de 17 sumiram em 3 de abril de 2000, quando davam um passeio de carro pela cidade de Sparta.

Jeremy Sides, que é dono do canal "Exploring with Nug", decidiu resolver por conta própria o caso que há varios anos estava arquivado. Ele, que mora na Geórgia, viajou até o local em que os dois moravam para iniciar uma busca em rios e lagos.

De acordo com informações do UOL, Sides é conhecido por utilizar o mergulho e outras técnicas para tentar solucionar casos arquivados por ausência de pistas.

O xerife local, Steve Page, ao saber da ideia do mergulhador, decidiu entrar em contato com ele. Por meio de mensagens, informou uma importante descoberta que fez ao revisitar o caso em 2020: os antigos investigadores haviam realizado buscas na parte errada da cidade.

Com essa informação, Sides foi capaz de localizar uma possível pista: um veículo de modelo Pontiac Grand Am, do ano de 1998, qu estava no fundo do rio Calfkiller. Dentro dele, havia restos humanos. Além disso, o carro possuía placa idêntica à do automóvel que desapareceu duas décadas atrás.

Convencido de que havia solucionado o caso, o youtuber então chamou a polícia, que agora realiza uma perícia que poderá confirmar a suspeita.

"Eu estou sem palavras. Estou tão feliz que pude encontrá-los", declarou Sides em vídeo publicado no canal. "Eu estou tão triste que este é o lugar em que eles tiveram seu fim. Eu não acredito que eles estavam lá há mais de 20 anos, esperando alguém que os encontrasse", finalizou o mergulhador.