Notícias » Brasil

Covid-19 volta a ser a principal causa de mortes no Brasil

Isso não acontecia há cerca de três meses

Fabio Previdelli Publicado em 26/01/2022, às 10h29

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Pixabay

O Brasil vive uma nova onda de novas infecções pela Covid-19. No último dia 19 deste mês, para se ter ideia, o Ministério da Saúde divulgou que 204.854 casos foram registrados apenas num período de 24 horas — o maior número desde o início da pandemia

O aumento dos casos também fez com que a enfermidade voltasse a ser a principal causa de óbitos no país nos últimos dias, fato que não acontecia desde a semana entre os dias 10 e 16 de outubro do ano passado. 

Conforme aponta o UOL, o cartório geral de registros informou que 1.976 pessoas morreram em decorrência da doença entre os dias 16 e 22 de janeiro; o que supera em 53% as mortes por AVC (1.239), que foi a principal causa de óbitos no Brasil entre o fim de outubro de 2021 e começo de janeiro de 2022.

Até então, as perdas pelo vírus não ficavam mais de 50% acima das mortes por infarto e AVC (principais causas de morte no país) desde a primeira semana do último mês de setembro, entre os dias 5 e 11.

Vale ressaltar, porém, que os números são parciais, visto que os dados possuem um prazo de até 15 dias para serem inseridos no portal da transparência, da Associação de Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil).

Outro ponto importante é que o portal se baseia nos óbitos contando a data de morte das pessoas, ao contrário do que é seguido pelo Ministério da Saúde e pelo consórcio de imprensa, que usa os dados das últimas 24 horas referente às datas dos registros de óbitos — o que não necessariamente significa que seja a mesma do falecimento.