Notícias » Covid-19

Criadora da AstraZeneca adverte: próxima pandemia pode ser pior

A pesquisadora, que fez parte da criação da vacina de Oxford, pensa que a próxima pandemia pode ser mais contagiosa ou letal

Paola Orlovas, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 06/12/2021, às 14h48

Frascos da vacina AstraZeneca, contra Covid-19
Frascos da vacina AstraZeneca, contra Covid-19 - Getty Images

Sarah Gilbert, uma das pesquisadoras do time de Oxford que criou a vacina AstraZeneca contra covid-19 disse, nesta segunda-feira, 6, que uma pandemia futura tem chance de ser mais letal do que a atual, e que é preciso que mais recursos sejam dados para a pesquisa científica.

Em uma entrevista para a emissora britânica BBC, ela explicou que nossa sociedade não enfrenta a sua última pandemia:

Esta não será a última vez que um vírus ameaça nossas vidas e meios de subsistência", declarou a cientista.

E ela ainda completou, falando um pouco sobre as condições de uma possível próxima pandemia:

A verdade é que a próxima será pior, poderá ser mais contagiosa ou mais letal, ou ambas as coisas", disse.

Ao falar sobre a variante ômicron,Gilbert explicou que pelas suas mutações, o vírus parece ter facilidade em se transmitir, e destacou que é possível que as vacinas que temos hoje sejam menos eficazes para prevenir infecções, mas não deixou de dizer que isso não quer dizer que elas não reduzam doenças graves ou mortes.