Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Mundo

Criança de 4 anos tem queimaduras graves após tocar planta venenosa

O caso ocorreu em uma cidade do Reino Unido e gerou alertas através da comunidade

Ingredi Brunato, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 15/06/2022, às 10h59

Fotografia de uma dessas plantas - Domínio Público/ Appaloosa
Fotografia de uma dessas plantas - Domínio Público/ Appaloosa

Na cidade britânica de Manchester, uma escola primária divulgou um comunicado aos pais a respeito da perigosa "Giant Hogweed", erva que produz uma seiva tóxica. Em contato com a pele, a substância causa queimaduras e extrema sensibilidade à luz solar, e, caso entre nos olhos, pode levar à cegueira

O alerta veio depois que, neste mês de junho, uma garotinha de quatro anos tocou uma dessas plantas, que é caracterizada por arbustos floridos, e acabou com queimaduras de terceiro grau. O incidente ocorreu enquanto a pequena estava em um parque local. 

Uma das nossas crianças esteve em contato com essa planta e terminou no hospital. Por favor, procurem por esta planta nos seus jardins e falem sobre ela com suas crianças", pediu a instituição de ensino, conforme repercutido pelo Manchester Evening News. 

Planta ornamental

Por mais estranho que pareça, a Giant Hegwood na verdade é uma erva de origem asiática, e foi introduzida no Ocidente como uma planta ornamental. Seu caráter venenoso, todavia, a levou a ser vista como praga atualmente. 

A recomendação para quem entre em contato com o espécime é lavar bem as mãos e evitar a exposição ao Sol, que piora o quadro. As bolhas típicas das queimaduras causadas pela seiva tóxica costumam aparecer dentro de 48 horas, e não é incomum que o incidente deixe cicatrizes na pele, conforme informações repercutidas pela Gazeta do Povo. 

A menina de 4 anos, por sua vez, está em recuperação. A experiência, embora extremamente dolorosa, não ameaça sua vida.