Notícias » Família Real Britânica

De acordo com agente, não seria surpresa se Meghan Markle investisse em carreira política

"Ela nasceu nos Estados Unidos e tem todo o direito de concorrer à presidência”, afirmou o assessor Jonathan Shalit, em entrevista

Penélope Coelho Publicado em 07/09/2020, às 11h12

Meghan Markle promovendo sua série Suits, em 2013
Meghan Markle promovendo sua série Suits, em 2013 - Wikimedia Commons

Durante uma entrevista para o jornal The Teleghaph, o agente de Meghan Markle, Jonathan Shalit afirmou que a carreira política da duquesa não seria uma surpresa, afirmando até que a mulher poderia concorrer à presidência dos Estados Unidos. As informações são do portal de notícias UOL.

"Nunca a ouvi falando sobre política, mas não é algo fora de cogitação [...] Ela nasceu nos Estados Unidos, tem todo o direito de concorrer à Presidência. Ronald Reagan era um ator lado B e terminou na Casa Branca. Nunca diga nunca”, afirmou Shalit.

O assessor comentou ainda que o jeito de Meghan se relacionar com as pessoas lembra muito o da mãe de Harry, a princesa Diana. A fala do agente acontece alguns dias após a confirmação de que Harry e Meghan assinaram um acordo avaliado em cerca de 795 milhões de reais com a Netflix, para a produção de documentários e roteiros para a empresa de streaming.