Notícias » Rússia

De Kandinsky a Stepanova: raras obras vanguardistas do século 20 são encontradas em pequeno museu russo

Segundo especialistas, as peças foram abandonadas no porão da instituição após uma exposição soviética itinerante, em 1921

Pamela Malva Publicado em 07/05/2020, às 08h00

Pintura de Ilya Mashkov encontrada no museu
Pintura de Ilya Mashkov encontrada no museu - Divulgação/Museu de Arte dos Irmãos Vasnetsov

Durante uma visita ao Museu das Tradições Populares de Yaransk, uma pequena cidade da Rússia, o especialista Andrey Sarabyanov encontrou um tesouro único. No porão da instituição, dezenas de obras vanguardistas do século 20 foram esquecidas.

Entre as muitas peças, Andrey identificou três aquarelas de Wassily Kandinsky, um guache de Varvara Stepanova e uma obra "completamente desconhecida" de Alexander Rodchenko. A última, datada de 1915, é feita de papelão e já está sendo restaurada.

Segundo Sarabyanov, os trabalhos provavelmente foram abandonados após uma exposição soviética itinerante, em 1921. Nesse sentido, uma dissertação de 2008, feita Anna Shakina, trouxe algumas respostas.

Durante a pesquisa, Anna encontrou o catálogo da antiga exposição, cuja programação contava com mais de 350 obras de artistas do século 20. De acordo com os registros, 85 das peças permaneceram em Yaransk, a cidade com menos de 16 mil habitantes.

Depois disso, cerca de metade das pinturas foi transferida para Kirov, em meados de 1960. A ideia era restaurar as obras, mas todas tiveram de ser escondidas, devido à censura das autoridades soviéticas, que proibiam a arte de vanguarda.

Agora, todas as peças devem ser exibidas abertamente no Museu de Arte dos Irmãos Vasnetsov. O paradeiro das mais de 250 obras restantes, no entanto, ainda é desconhecido. Para a exposição, outros itens devem ser emprestados pelo Museu e Centro de Exposições Slobodskoy.