Notícias » Arte

Depois de mais de 100 anos guardada, obra de Van Gogh é leiloada por 13 milhões de euros

O leilão ocorreu na última quinta-feira, 25, através de um valor recorde

Redação Publicado em 27/03/2021, às 22h52

O quadro de Van Gogh
O quadro de Van Gogh - Divulgação/Sotheby's

Uma novidade instigante envolvendo a carreira do renomado artista Vincent Van Gogh foi revelada pela Sotheby's, casa de leilões. Isso porque uma obra do artista, que passou um total de 100 anos longe da visão do público, foi leiloada pelo valor impressionante de 13 milhões de euros (R$ 86,6 milhões em valores atuais). As informações são do O Globo.

Através do evento, realizado na última quinta-feira, o valor pago foi recorde na França. Scéne de rue à Montmartre tinha uma previsão de ser arrebatado por total de oito milhões de euros.

A obra de Van Gogh ganhou vida em 1887 e englobava obras que o renomado pintor criou durante sua estadia em Paris ao lado do irmão. Theo. Descrevendo um dos conhecidos moinhos de vento de Montmarte, teve sua originalidade confirmada pelo museu do artista em Amsterdã.

A pintura estava nas mãos de uma família francesa, sendo apresentada aos amantes de arte apenas em fevereiro. Curiosamente, a obra fora catalogada anteriormente como uma fotografia no modo preto e branco.

Transtorno de bipolaridade e alcoolismo: os motivos por trás da morte de Van Gogh, segundo estudo

Considerado um dos maiores pintores da História, Van Gogh ilustrava em suas obras todos os seus sentimentos mais profundos.

Assim como seus ilustres quadros, a vida foi regada de angústia, solidão e insegurança. Com o passar dos anos, tais motivos levaram muitos historiadores acreditarem que o artista tenha tentado tirar a própria vida. 

Depressão e ansiedade 

Ao longo dos anos, surgiram inúmeras teorias sobre as misteriosas circunstâncias da morte de Van Gogh. No fatídico dia 29 de julho de 1890, o pintor holandês veio a falecer aos 37 anos, após ter tido complicações de saúde decorrentes de um tiro por arma de fogo, que teria utilizado para tentar suicídio.

No entanto, quase um século depois, o motivo por trás da morte do artista parece ter sido solucionado. Segundo estudos publicados pela Universidade de Medicina de Groningen, na Holanda, Van Gogh sofria de transtorno de bipolaridade e depressão profunda.

++Leia a matéria completa aqui.