Notícias » Lula

Destaque na 'Time', Lula diz que Biden poderia 'ter evitado (a guerra), não incitado'

Ex-presidente do Brasil é destaque na publicação norte-americana

Redação Publicado em 04/05/2022, às 10h49

O ex-presidente Lula
O ex-presidente Lula - Getty Images

Destaque na capa da prestigiada revista Time, divulgada nesta quarta-feira, 4, o ex-presidente Luladiscutiu temas mundiais durante a entrevista dada ao veículo, na reportagem 'o segundo ato de Lula'. 

Refletindo sobre a Guerra da Ucrânia, o presidente citou a influência que os Estados Unidos, atualmente liderados por Joe Biden, tem na política mundial. Como consequência, Lula disse que Biden poderia 'ter participado mais' para evitar a guerra. 

“Os Estados Unidos têm muita influência política. E Joe Biden poderia ter evitado [a guerra], não incitado”, afirmou o ex-presidente. “Ele poderia ter participado mais. Biden poderia ter tomado um avião para Moscou para conversar com Putin. Esse é o tipo de atitude que você espera de um líder”.

'Guerra não é solução'

Conforme repercutido pela Veja, Lula explicou na entrevista que os EUA e a UE tinham que ter garantido ao atual presidente da Rússia que a Ucrânia não englobaria a Otan e até mesmo relembrou a caótica crise dos mísseis cubado, ocorrida em 1962. 

 “A guerra não é solução”, relembrou Lula. “E agora vamos ter que pagar a conta por causa da guerra na Ucrânia. Argentina, Bolívia também terão que pagar. Você não está punindo só Putin. Você está punindo muitos países diferentes, você está punindo a humanidade.”