Notícias » Egito Antigo

Diário do homem que descobriu o túmulo de Tutancâmon revela segredos

As páginas do caderno de Howard Carter mostram como foi sua jornada na busca pelo faraó

Penélope Coelho Publicado em 06/08/2020, às 11h53

Tampa do sarcófago de Tutancâmon
Tampa do sarcófago de Tutancâmon - Pixabay

Em 1922 o arqueólogo e pesquisador britânico Howard Carter fez uma das maiores descobertas da história quando encontrou o local onde ficava o túmulo do faraó Tutancâmon, no Vale dos Reis, no Egito. Como revelou o tabloide The Daily Express, um documentário produzido pela rede de televisão Canal 5, divulgou novos detalhes de como Carter encontrou a tumba.

A produção intitulada The Curse of King Tut mostra alguns detalhes do diário de bolso do pesquisador. Na época em que estava prestes a fazer sua descoberta, o arqueólogo já tinha estipulado que aquela seria sua última temporada no Vale dos Reis, depois de cinco anos explorando a região, como escreveu em seu caderno.

Páginas do diário de Howard Carter / Crédito: Divulgação / Canal 5/ The Daily Express

 

Cat Warsi, porta voz da instituição especialista em Egiptologia, Griffiths Institute, revelou ao The Daily Express algumas palavras que foram escritas por Carter antes do achado:

“Em 1º de novembro de 1922, o homem escreveu: 'começou a escavação no Vale dos Reis’ [...] Mas então, muito rapidamente, temos 4 de novembro de 1922, onde ele simplesmente escreveu: 'os primeiros degraus da tumba foram encontrados'”, afirmou Warsi.

Um dia depois, quando o pesquisador provavelmente teve mais tempo para pensar no que tinha acabado de acontecer, ele escreveu:

“Antes do pôr do sol, tínhamos chegado ao nível do 12º degrau, o suficiente para expor uma grande parte da parte superior do reboco e da porta selada [...] Aqui diante de nós havia evidências suficientes para mostrar que realmente era uma entrada para uma tumba selada e pelos selos e todas as aparências externas que estava intacta {...] No túmulo, havia referências ao faraó enterrado no interior - Tutancâmon”, detalhou Howard.

O diário ainda revelou alguns acontecimentos insólitos relatados por Carter. O homem relata, por exemplo, que na manhã que ele adentrou o local pela primeira vez, um falcão foi visto no céu. “Sua força de trabalho egípcia considerou aquilo um mau presságio”, revelou Warsi.


+Saiba mais sobre o Egito Antigo por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

História do Egito Antigo, de Nicolas Grimal (2012) - https://amzn.to/3b5bJ9S

As Dinastias do Antigo Egito, de Charles River Editors (2019) - https://amzn.to/39ZSY6j

A Serpente Cósmica: A Sabedoria Iniciática Do Antigo Egito Revelada, de John Anthony West (2009) - https://amzn.to/2RtbzBo

Egito Antigo, de Stewart Ross (2005) - https://amzn.to/2K8tuJL

Como seria sua vida no Antigo Egito?, de Jacqueline Morley (2019) - https://amzn.to/2xkwTlL

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W