Notícias » Europa

Dietas durante o período Neolítico e Idade do Bronze na Polônia eram compostas principalmente de vegetais

Em estudo realizado por uma das principais universidades do país, foi possível analisar a constituição de ossos antigos e realizar uma relação na alimentação

Wallacy Ferrari Publicado em 24/06/2020, às 08h00 - Atualizado às 08h50

Imagem ilustrativa de vegetais reunidos em uma tábua
Imagem ilustrativa de vegetais reunidos em uma tábua - Pixabay

Um estudo do Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Cardeal Stefan Wyszyński, em Varsóvia, sugere que os antigos povos neolíticos e da Idade do Bronze que viveram no sul da Polônia tinham uma dieta majoritariamente constituída de legumes, frutas e plantas.

A conclusão foi possível após uma extensa análise de ossos dos enterros em MIechów, revelando, por sua composição de nutrientes, que a carne representava apenas uma fração da dieta. A análise aponta que as plantas representavam quase 50% das refeições, além da presença de diversos cereais, como cevada e trigos dos tipos esmeralda e einkorn.

O estudo acrescentou que a dieta permaneceu sendo habitual por um período de cerca de 5 mil anos e que o restante da percentagem era composto por mais laticínios do que carne, enfatizando que o alimento de origem animal era consumido em pequenas quantidades.

O professor Krzysztof Szostek, do Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Cardeal Stefan Wyszyński, em Varsóvia, explicou como alcançaram o resultado: “Até agora, a pesquisa isotópica sobre reconstrução da dieta era realizada sem levar em consideração as análises arqueobotânicas. Isso significava que a imagem da dieta das pessoas pré-históricas estava incompleta; os modelos até mostraram que principalmente a carne era consumida durante esse período, o que não podia ser verdade”.