Notícias » Arqueologia

Diploma militar romano é escavado na Eslováquia

O documento ofereceria privilégios únicos ao seu portador e era emitido pelo próprio imperador

Pedro Paulo Furlan, sob supervisão de Pamela Malva Publicado em 29/12/2021, às 15h00

Escavadores dedicam-se às descobertas no campo de Gerulata
Escavadores dedicam-se às descobertas no campo de Gerulata - Divulgação / Bratislava City Museum

Apenas quatro meses após o sítio de escavação Gerulata, na cidade de Bratislava na Eslováquia, um antigo acampamento militar romano no qual muitos artefatos já foram encontrados, ser considerado um patrimônio da UNESCO, os arqueólogos responsáveis fizeram um raro achado entre as ruínas que compõem o local.

Entre os edifícios que fazem parte de Gerulata, a equipe pesquisadora encontrou um certo tipo de diploma da Roma antiga, do qual apenas cerca de mil exemplares já foram encontrados ao longo de toda extensão do Império Romano.

Um fragmento deste documento emitido pelo próprio imperador oferece privilégios ao soldado aposentado dono do diploma.

Segundo o portal de notícias The Slovak Spectator, o pedaço deste documento oficial e importante foi o segundo já encontrado neste sítio de escavação. O diploma também se estendia aos membros da família, segundo afirmou o museu de Gerulata Antiga.

O documento confirma que seu dono era um cidadão romano e que este privilégio poderia, de acordo com as normas legais da época, também ser aplicado às sua mulher e crianças."

Chamado de “pequena Roma” por especialistas, em Gerulata já foram encontrados objetos de ferro, cerâmicas, moedas, queimadores e até equipamentos para cavalos, todos identificados como criados e utilizados no terceiro século.

Além destas descobertas, uma pequena escova de cabelo do segundo século também estava presente no sítio de escavação, provando a conexão que tribos germânicas tiveram com as tropas romanas que ocupavam aquela região da Eslováquia na época.