Notícias » Brasil

Divórcios continuam em ritmo crescente em 2021 como reflexo da pandemia

Plataforma Idivorciei lança o programa Virando a Página para ampliar ajuda a divorciados

Redação Publicado em 14/10/2021, às 16h43

Fotografia meramente ilustrativa de alianças
Fotografia meramente ilustrativa de alianças - Divulgação /Pixabay/ marcojean20
A pandemia de covid-19 mudou a rotina das famílias e afetou os relacionamentos. Uma das consequências foi a explosão de divórcios em 2020 e o aumento crescente de casos também neste ano.
 
O Brasil registrou novo recorde de divórcios no primeiro semestre de 2021, reflexo natural da maior convivência dos casais dentro de casa, entre outros fatores. De acordo com o Colégio Notarial do Brasil, de janeiro a julho deste ano 37 mil divórcios foram realizados em cartório - aumento de 24% em relação ao primeiro semestre do ano passado.
 
Pensando nisso, a Idivorciei, plataforma que reúne soluções e serviços para o público divorciado, está lançando o Programa Virando a Página. O objetivo dos empresários Calila Matos e Luís Carlos Tardelli é ampliar ainda mais o escopo de atendimento às pessoas que estão enfrentando um processo de separação.
 
O Programa oferece ao público "divor" (divorciada/o) serviços de beleza e bem-estar, além de projetos de decoração e organização de ambientes; tudo gratuitamente, graças à parcerias com patrocinadores e apoiadores.
 
O Virando a Página é também uma websérie disponível no Youtube. Para quem quer participar e ter acesso aos benefícios, basta acessar o site e clicar em "Quero recomeçar". Automaticamente abrirá o cadastro via Whatsapp. Depois, é só contar como foi - ou está sendo - o processo de separação/divórcio, por meio dessa inscrição.
 
Os escolhidos terão, então, serviços gratuitos em clínicas e salões de beleza, além de consultas com especialistas em saúde e bem-estar. Mas não é só. A transformação ocorrerá também no lar. Decoradores e personal organizers vão repaginar um ambiente da casa escolhido pelo participante para que ele se sinta, realmente, virando uma página de sua vida.

Enquanto isso, quem está se separando continuará contando também com a ajuda de mais de 50 especialistas nas áreas de saúde emocional, assessoria financeira, soluções jurídicas, bem-estar, viagens, carreira profissional, entre outras, nas plataformas digitais da Idivorciei.
 
"Oferecemos todo o apoio possível, por dentro e por fora, àqueles que estão enfrentando situações difíceis na vida pessoal em razão da separação. Na Idivorciei, já contamos com uma grande rede de parceiros 'do bem' e, agora, decidimos ir além, proporcionando também momentos de alegria e aconchego no lar com o Virando a Página. Queremos levantar a autoestima dessas pessoas, tão necessária nessa fase difícil do pós-divórcio", conta Calila Matos, fundadora da Idivorciei.
 
De acordo com Calila, que é também divorciada e mãe solo, não se pode esquecer que, ajudando os pais neste momento de desafios e superação, os filhos desses divorciados também serão beneficiados.
 
"Estamos falando da maior geração de filhos de divorciados da história. Se nós não cuidarmos dessas pessoas, teremos uma geração extremamente traumatizada por causa do término do casamento dos pais. A Idivorciei acolhe e possibilita a pais e filhos um novo ciclo de oportunidades", pontua a empreendedora.

Segundo o IBGE, os divórcios cresceram 75% no Brasil nos últimos cinco anos. Em 2020, ano de início da pandemia, só no mês de julho foram 7.400 divórcios, um salto de 260% em relação à média de meses anteriores.