Notícias » Guerras

Dois esqueletos da Guerra de Independência dos EUA são encontrados em Connecticut

Desde dezembro de 2019, o sítio da Batalha de Ridgefield está sendo explorado, rendendo descobertas interessantes

André Nogueira Publicado em 23/01/2020, às 13h10

Análise da ossada
Análise da ossada - Divulgação/Ned Gerard

Segundo pesquisadores, um esqueleto desenterrado em uma propriedade na região onde ocorreu a Batalha de Ridgefield, no estado de Connecticut, pertenceu a um soldado da disputa conhecida como Quarta Guerra Revolucionária, parte da Revolução Americana. Outro esqueleto, cujo dono deve ter morrido em 1777, também está sendo analisado pelo arqueólogo Nicholas Bellantoni.

Foram encontrados também botões e outros objetos. A escavação foi “muito difícil, em túneis por quase um metro para remover a nova pessoa", segundo Bellantoni. "Conseguimos remover esse indivíduo completamente e ele se mostrou muito interessante".

"Gostaríamos de descobrir quem eram essas pessoas e quais eram suas histórias de vida", disse Bellantoni ao veículo UConn Today. “Podemos até ter a sorte de chegar ao ponto de podermos identificar alguns deles em termos de sobrenomes reais".

A descoberta faz parte de uma série de escavações reveladoras iniciadas em dezembro de 2019, analisando a região, no centro de onde ocorreu a batalha entre estadunidenses e ingleses. As primeiras ossadas foram determinadas como muito velhas, mas as mais recentes são de jovens robustos.