Notícias » Estados Unidos

Donald Trump ofereceu carona em avião presidencial a Kim Jong Un, diz documentário

A produção da BBC afirma que na ocasião, em 2019, o ex-presidente fez o convite em sinal de amizade

Larissa Lopes, com supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 22/02/2021, às 14h06

Donald Trump e Kim Jong-Un no encontro em Hanói, Vietnã
Donald Trump e Kim Jong-Un no encontro em Hanói, Vietnã - Getty Images

O ex-presidente Donald Trump teria oferecido uma ‘carona’ no Air Force One — avião presidencial —, ao líder norte-coreano Kim Jong Un. A ocasião foi a cúpula de Hanói, no Vietnã, em 2019.

Como repercutido pelo Uol, anteriormente, os dois comandantes trocavam ameaças numa verdadeira batalha verbal. O quadro mudou graças a outros dois encontros.

A ocasião da cúpula foi comentada no documentário da BBC ‘Trump Takes on the World’, em que o convite de Trump foi apontado como surpreendente até para os “diplomatas mais experientes”.

Contudo, Kim não aceitou a oferta. Se tivesse aceitado, entraria então em uma posse americana — o Air Force One —, bem como o avião adentraria o espaço aéreo norte-coreano. A situação provocaria diversas questões de segurança.

"O presidente sabia que Kim havia feito uma viagem de vários dias de trem através da China até Hanói, e o presidente disse: 'Eu posso levá-lo para casa em duas horas, se você desejar'. Kim recusou", afirmou Matthew Pottinger, principal especialista Ásia no Conselho de Segurança Nacional de Trump, em documentário.

O primeiro encontro entre Trump e Kim foi a reunião de Singapura, em 2018. Após a formalidade, o ex-presidente americano mostrou ao norte-coreano o interior de sua limusine, o Cadillac One, em demonstração de amizade.

No entanto, a boa relação com os Estados Unidos parece não ter durado muito. No mês passado, Kim declarou que a capital Washington é a “maior inimiga” de seu país e, ainda, que a política norte-americana com a Coreia do Norte não mudará “independente de quem está no poder”.