Notícias » Rússia

Dono do Chelsea FC entrega mensagem de presidente ucraniano a Putin

O bilionário russo Roman Abramovich tem sido alvo de fortes sanções por conta do conflito

Ingredi Brunato, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 28/03/2022, às 15h08

Fotografia de Roman Abramovich
Fotografia de Roman Abramovich - Getty Images

Roman Abramovich, o bilionário russo mais conhecido por ser o dono do clube de futebol do Chelsea, levou uma mensagem manuscrita de Volodymyr Zelensky até Putin, de acordo com informações repercutidas pelo The Times.  

No documento, constavam os termos de paz oferecidos pelo presidente ucraniano, porém o líder do Kremlin não quis aceitá-los: "Diga a ele [Zelensky] que vou derrotá-lo", foi sua resposta, conforme relatado pelo ricaço ao veículo britânico. 

É importante mencionar que Abramovich foi extensamente afetado pelas sanções econômicas impostas à Rússia em decorrência de sua invasão da nação ucraniana.

Seus ativos bancários e bens que se encontravam espalhados pela Europa foram congelados por decisões da União Europeia e do Reino Unido; e sua tentativa de vender o Chelsea FB foi interrompida. Assim, é evidente que a continuidade da invasão o coloca em uma situação financeira desfavorável. 

O conflito na Ucrânia já dura mais de um mês, e embora tenham ocorrido inúmeras negociações e exista uma grande pressão internacional pelo fim da guerra, nenhum acordo foi alcançado.