Notícias » Entretenimento

Dwayne ‘The Rock’ Johnson assegura: ‘Com certeza não usaremos armas reais a partir de agora’

Dwayne Johnson afirmou que a tragédia no set de ‘Rust’ o fez repensar o uso de armas de fogo nas gravações

Isabela Barreiros Publicado em 04/11/2021, às 15h05

Dwayne "The Rock" Johnson no tapete vermelho de "Red Notice"
Dwayne "The Rock" Johnson no tapete vermelho de "Red Notice" - Getty Images

Dwayne "The Rock" Johnson assegurou que não irá utilizar armas de fogo verdadeiras durante as gravações de seus filmes devido à tragédia que tirou a vida da cinegrafista Halyna Hutchins após o disparo acidental feito por Alec Baldwin no set de “Rust”.

Durante a estreia de seu filme "Red Notice", que estará disponível na Netflix, o ator falou que ficou de “coração partido” ao saber da morte da diretora de fotografia. “Perdemos uma vida", afirmou Johnson.

De acordo com informações da revista Variety, da última quarta-feira, 3, o incidente fez com que o artista repensasse a relação dos sets de filmagem com armas de fogo, descartando sua necessidade.

"Não posso falar por mais ninguém, mas posso dizer, sem dúvida alguma, que em qualquer filme que fizermos a partir de agora com a Seven Bucks Productions — qualquer filme, qualquer programa de televisão ou qualquer coisa que façamos ou que iremos produzir — com certeza não usaremos armas reais", declarou.

"À medida que avançamos, acredito que há novos protocolos e novas medidas de segurança que deveríamos tomar, especialmente depois do ocorrido", explicou. "É horrível que isso tenha precisado acontecer desta forma para que despertemos".

O ator ressaltou que a Seven Bucks Productions passará a usar pistolas de borracha durante as gravações de seus filmes e que os efeitos de armas de fogo deverão ser adicionados por meio de edição, sem se preocupar “com o quanto vai custar".

Relembre o acidente

A tragédia se deu no dia 21 de outubro. O gabinete do xerife do condado de Santa Fé, localizado no Novo México, Estados Unidos, declarou que o ator Alec Baldwin, de 63 anos, disparou uma arma durante as gravações do filme ‘Rust’, matando uma pessoa e deixando outra ferida. O artista não sabia que a arma estava carregada.

"O gabinete confirma que os dois indivíduos baleados no set de 'Rust' foram a diretora de fotografia Halyna Hutchins, 42, e o diretor do filme, Joel Souza, 48, atingidos quando uma arma cenográfica foi disparada pelo ator e produtor Alec Baldwin", disse a nota.

Conforme repercutido pelo portal de notícias G1, o disparo trágico se deu durante a gravação de uma cena do filme 'Rust', que tem como tema o velho oeste. A produção é estrelada e produzida por Alec. 

O astro se pronuncia

Após o acidente, o ator fez uma publicação nas redes sociais.

“Não há palavras para expressar meu choque e tristeza pelo trágico acidente que tirou a vida de Halyna Hutchins, esposa, mãe e muito admirada colega nossa. Estou cooperando totalmente com a investigação policial para resolver como essa tragédia ocorreu”, disse Alec.

Ele também declarou oferecer suporte para os familiares da diretora neste momento difícil.

“Estou em contato com o marido dela, oferecendo meu apoio a ele e sua família. Meu coração está partido por seu marido, seu filho e por todos que conheciam e amavam Halyna”.