Notícias » Família Real Britânica

Elizabeth II abre vaga para chef de cozinha no Palácio de Buckingham

Segundo o anúncio, o novo cozinheiro da monarca deverá acompanhá-la em suas turnês reais pelo Reino Unido

Pamela Malva Publicado em 13/07/2021, às 11h30

Fotografia da Rainha Elizabeth II em meados de 2012
Fotografia da Rainha Elizabeth II em meados de 2012 - Getty Images

Com planos para novas turnês reais por todo o Reino Unido, a Rainha Elizabeth II anunciou, através de seus funcionários, uma oportunidade de trabalho no Palácio de Buckingham. Segundo o Metrópoles, trata-se de uma vaga para um chef de cozinha.

Acontece que, apesar da grande equipe que a acompanha diariamente, a monarca agora procura por um profissional que ficará responsável por preparar seus pratos preferidos durante as viagens de Elizabeth II pelo território que ela governa.

No anúncio, portanto, a rainha deixou claro que os candidatos à vaga devem estar “dispostos a se juntar a ela em viagens pelo país”. Uma vez escolhido, então, o novo chef da monarquia britânica terá como base o Palácio de Buckingham, mas também irá cozinhar em outras residências da família, como no Castelo de Balmoral, na Escócia.

Entre suas tarefas, o novo cozinheiro deverá preparar o cardápio das turnês três dias antes de servir os pratos à monarca. Isso tudo para que os funcionários da monarquia consigam comprar todos os ingredientes necessários para as receitas antes da data.

Fotografia frontal do Palácio de Buckingham / Crédito: Getty Images

 

A dieta da Rainha

Em entrevista à Hello Magazine, o ex-chef da família real Darren McGrady revelou como era o processo de trabalhar para a monarca. Nesse sentido, ele afirma que Elizabeth II faz questão de realizar quatro refeições diferentes todos os dias, sendo uma delas o clássico chá da tarde, que ela toma “em qualquer lugar do mundo”.

O ex-cozinheiro ainda lembrou da existência de um livro de receitas com capa de couro vermelho, escrito em francês. Segundo McGrady, a rainha recebe a publicação todas as semanas, onde confere os preparos disponíveis em seu menu. 

Segundo o Metrópoles, outras fontes afirmam que o novo cozinheiro da monarquia também deverá ficar atento às restrições e gostos da rainha. Isso porque, além de ser chocólatra e ter uma receita de bolo favorita, Elizabeth II não gosta de alho ou de cebola — itens bastante comuns em diversas preparações, o que dificultaria o trabalho.