Notícias » Reino Unido

Elizabeth II concorda com decisão de Meghan Markle e príncipe Harry

A monarca teria dado total apoio a atitude do casal, mas admitiu preferir que eles permanecessem como membros em período integral da realeza

Daniela Bazi Publicado em 13/01/2020, às 17h47

Elizabeth, Meghan e Harry durante o centenário das Forças Aéreas Inglesas, em 2018
Elizabeth, Meghan e Harry durante o centenário das Forças Aéreas Inglesas, em 2018 - Getty Images

Através de um recente comunicado divulgado pelo Palácio de Buckingham, a rainha Elizabeth II concordou com o período de transição de Meghan e Harry entre o Canadá e o Reino Unido. A monarca disse prestar total apoio ao desejo do neto, mas preferia que eles permanecessem integralmente como membros da realeza.

A rainha afirmou que a decisão final sobre o papel do Duque e da Duquesa de Sussex deve ser tomada nos próximos dias, após ter sido discutida por membros da realeza sênior, que também envolveu Charles e William.

"Minha família e eu apoiamos totalmente o desejo de Harry e Meghan de criar uma nova vida como uma família jovem. Embora tivéssemos preferido que eles continuassem trabalhando como membros da Família Real em período integral, respeitamos e entendemos o desejo de viver uma vida mais independente como família, mantendo ainda uma parte valiosa da minha família. Esses são assuntos complexos para minha família resolver, e ainda há mais trabalho a ser feito, mas pedi que as decisões finais fossem tomadas nos próximos dias", disse Elizabeth no comunicado.

Reuniões de urgência foram convocadas após o anúncio dos Duques de Sussex de que estariam deixando o cargo de membros seniores da realeza sem avisar o resto da família real.