Notícias » Bizarro

Elon Musk perde US$ 14 bilhões e volta a ser o segundo mais rico do mundo

Após queda nas ações da Tesla, o CEO da montadora de veículos elétricos viu seu patrimônio ser liquidado em um só dia

Pamela Malva Publicado em 13/01/2021, às 13h00

Fotografia de Elon Musk em meados de 2011
Fotografia de Elon Musk em meados de 2011 - Wikimedia Commons

Logo na primeira semana de 2021, o empresário Elon Musk foi declarado a pessoa mais rica do mundo, ao ultrapassar Jeff Bezos. Agora, poucos dias depois, o fundador da Tesla voltou para o segundo lugar, após perder quase US$ 14 bilhões em apenas um dia.

Durante uma alta nas ações da montadora de veículos elétricos, Musk juntou um patrimônio de incríveis US$ 188,5 bilhões. Quase uma semana mais tarde, contudo, uma queda de 8% nas ações da empresa fez a fortuna do CEO cair para US$ 176,2 bilhões.

Musk, no entanto, não foi o único a perder alguns dígitos em sua conta bancária, segundo a Forbes. Nesse sentido, ações da Amazon também caíram em mais de 2%, fazendo com que Jeff Bezos perdesse US$ 3,6 bilhões de seu patrimônio líquido.

Ainda assim, o CEO da Amazon continua ocupando o primeiro lugar no ranking das pessoas mais ricas do mundo. No total, Bezos tem cerca de US$ 182,1 bilhões em sua conta bancária — US$ 6 bilhões a mais do Musk registrou após a queda das ações.