Notícias » Brasil

Em discurso, Bolsonaro declara preferir Luís Philippe de Bragança como vice

Durante anúncio de que sairá do PSL, o presidente demonstrou receio em relação ao vice Mourão e traçou gracejos com o príncipe

André Nogueira Publicado em 13/11/2019, às 09h00 - Atualizado às 09h12

Presidente e vice-presidente vêm soltado farpas desde o inicio da campanha
Presidente e vice-presidente vêm soltado farpas desde o inicio da campanha - Sérgio Lima

O presidente Jair Bolsonaro se reuniu nessa terça-feira (12) com parlamentares do PSL (Partido Social Liberal) para anunciar sua saída da sigla, devido suas desavenças com o presidente, Luciano Bivar. Na ocasião, discursou aos correligionários a seu favor, no Palácio do Planalto.

Durante seu discurso, Bolsonaro demonstrou abertamente seu arrependimento pela formação da chapa eleitoral, declarando a escolha de Hamilton Mourão para vice-presidente como um erro, chamando a associação de um casamento errado. Também declarou preferência por Luís Philippe de Orleans e Bragança como vice:

Bolsonaro: “Príncipe, estou te devendo eternamente”; Luís Philippe: “O que é isso. Deve nada, presidente!”; Bolsonaro: “Devo sim. Você deveria ter sido meu vice, e não esse Mourão aí. Eu casei, casei errado. E agora não tem mais como voltar atrás”.

Luís Philippe / Crédito: Câmara dos Deputados

 

Luís Philippe é membro da família real e seria príncipe do país de a monarquia fosse instaurada, enquanto Mourão é general da reserva e membro de destaque do Clube Militar. “Basicamente, ele reconheceu publicamente o que estava nos bastidores. Eu entendo que no mundo político há muitas artimanhas, conspirações”, declarou o Bragança, que é deputado federal.