Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Brasil

Em discurso no Itamaraty, Bolsonaro elogia ex-presidentes da Ditadura

"Homens de visão, homens de futuro", afirmou o governante, ao falar sobre Ernesto Geisel e Emílio Garrastazu Médici

Redação Publicado em 22/02/2022, às 16h00

Fotografias de Jair Bolsonaro, Ernesto Geisel e Emílio Garrastazu Médici - Getty Images/ Domínio Público/ Creative Commons/ Wikimedia Commons
Fotografias de Jair Bolsonaro, Ernesto Geisel e Emílio Garrastazu Médici - Getty Images/ Domínio Público/ Creative Commons/ Wikimedia Commons

Nesta terça-feira, 22, Jair Bolsonaro elogiou os ex-presidentes Ernesto Geisel e Emílio Garrastazu Médici durante seu discurso na posse do novo diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional. Ambos os políticos governaram o Brasil durante a Ditadura Militar.

Segundo o UOL, a fala do presidente se deu na posse do almirante Anatalicio Risden Junior como diretor-geral da Usina Hidrelétrica de Itaipu. Na ocasião, Bolsonaro ainda elogiou obras realizadas pelos antigos presidentes durante a década de 1970.

"O que seria do Brasil sem as obras do anos 70?", pontuou Bolsonaro, durante seu discurso no Itamaraty. "Os anos 70 geraram grandes personalidades.”

O nosso agronegócio hoje em dia é algo fantástico graças a esse homem, nada mais, nada menos que nosso prezado Ernesto Geisel”, continuou o presidente. “Em Itaipu, Emílio Garrastazu Médici, juntamente com Alfredo Stroessner [ditador do Paraguai].”

Por fim, afirmando que “a história não pode ser mudada”, Bolsonaro ainda pontuou que os ex-presidentes citados, em sua opinião, são “homens de visão, homens de futuro, que nos geraram, no caso, aqui, Itaipu Binacional”.