Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Ucrânia

Em meio à tensão, adolescentes ucranianos cavam trincheiras

O objetivo, segundo o grupo, é auxiliar soldados em caso de guerra

Redação Publicado em 15/02/2022, às 11h39

Soldado em trincheira na Ucrânia - Getty Images
Soldado em trincheira na Ucrânia - Getty Images

Em meio à atual tensão com a Rússia, jovens ucranianos que vivem na cidade portuária de Mariupol estão cavando trincheiras para auxiliar soldados em caso de uma guerra.

O grupo faz parte de um centro de reabilitação para órfãos e crianças desabrigadas, que é comandado pelo pastor Guennadi Mokhnenko, de 53 anos.

"Quando nosso pai, o pastor, disse que Putin poderia invadir, comecei a ter pesadelos, pensava nisto antes de dormir", disse MikhailoAnopa, um adolescente de 15 anos, à AFP. "Se a Rússia invadir a Ucrânia, pode começar por Mariupol", acrescenta o jovem.

De acordo com informações da agência de notícias, Mariupol é uma cidade de 450 mil habitantes, a qual fica próxima a Donetsk, região dominada pelos separatistas pró-Rússia e apoiada por Moscou.

"Estas trincheiras serão úteis para os militares ucranianos", disse o adolescente entrevistado."Nós as cavamos para ajudar os soldados, agora estamos reforçando. É nosso dever", acrescentou.

Segundo a fonte, os jovens começaram a instalar as defesas há dois anos, depois que as Forças Armadas russas abriram fogo contra navios ucranianos que tentavam chegar ao porto.