Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Merkel

Em primeira grande entrevista, Merkel diz que invasão russa é inaceitável: 'Grande erro'

Angela Merkel, que deixou o cargo de chanceler da Alemanha há seis meses, comentou o conflito

Redação Publicado em 08/06/2022, às 10h13

Merkel durante a entrevista - Getty Images
Merkel durante a entrevista - Getty Images

Desde que deixou o cargo de chanceler da Alemanha, Angela Merkel não chegou a dar entrevistas. Agora, a ex-chanceler alemã teve uma conversa oficial televisionada pela emissora ARD. Angela fora entrevistada pelo jornalista Alexander Osang em conversa repercutida nesta quarta-feira, 8. 

Diante da invasão Rússia na Ucrânia, que já passou dos 100 dias, seria impossível que Merkel não comentasse o tema. Em suas palavras, a invasão iniciada pelos russos não foi apenas 'inaceitável, mas também um grande erro da Rússia. 

Ela também disse que a guerra não é uma 'opção viável'. 

Se começarmos a voltar ao longo dos séculos e discutir sobre qual pedaço de território deve pertencer a qual país, então só teremos guerra", disse Merkel ao jornalista e autor. 

Sanções

Outro destaque na entrevista dada por Merkel, é o fato da ex-chanceler ter falado sobre a anexação da Crimeira da Ucrânia pelo país de Putin no ano de 2014. Na época, ela apoiou sanções impostas a nação de Vladimir Putin. Ela disse que "não tem nenhum motivo para se desculpar" por isso.

Ao mesmo tempo, Merkel enfatizou ter 'o maior respeito' por Volodymyr Zelensky, atual presidente da Ucrânia. Ela também destacou o quanto ficou impressionada com a 'coragem e paixão' mostrados pelos ucranianos ao lutar pelo país que vive a invasão russa.