Notícias » Brasil

Em rede social, Lula critica atual campanha de vacinação contra a Covid-19 no Brasil

“Esse governo nem pra comprar vacina serve”, escreveu o ex-presidente em seu Twitter

Redação Publicado em 25/02/2021, às 13h30

Luiz Inácio Lula da Silva em pronunciamento
Luiz Inácio Lula da Silva em pronunciamento - Wikimedia Commons

Na noite da última quarta-feira, 24, o ex-presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, usou seu Twitter para proferir críticas ao posicionamento do atual governo brasileiro, em relação a compras de vacinas, no atual momento da pandemia de Covid-19..

“Na época do H1N1 nós aplicamos mais de 80 milhões de vacinas em três meses e esse governo nem pra comprar vacina serve”, escreveu Lula, referindo-se ao vírus da gripe suína, que se alastrou pelo mundo na primeira pandemia do século 21, entre 2009 e 2010.

De acordo com informações divulgadas pelo Ministério da Saúde na época, a campanha de vacinação realizada no Brasil em 2010, imunizou 88 milhões de pessoas contra a gripe, como revelou uma reportagem do G1.

Atualmente, em meio à pandemia do novo coronavírus — que teve início em março de 2020 — o Brasil aplicou cerca de 7,5 milhões de doses do imunizante contra a Covid-19.

Sendo 6.087.811 milhões as pessoas que receberam somente primeira dose e 1.429.618 aqueles que tomaram também a segunda, como revelou o último levantamento do consórcio de veículos de imprensa, em parceria com as secretarias de Saúde, em informações divulgadas no G1.