Notícias » África do Sul

Empresária posta fotos fazendo flexões nas presas de um elefante e gera polêmica nas redes sociais

Dona de uma academia de Crossfit, Emma Rogers causou controvérsia com suas publicações — que repercutiram mal entre os usuários

Alana Sousa Publicado em 05/01/2021, às 12h00

Emma fazendo flexão no animal
Emma fazendo flexão no animal - Divulgação/Instagram

Nas redes sociais, uma cena controvérsia chamou atenção das pessoas. Trata-se da imagem de uma mulher praticando flexões nas presas de um grande elefante. A foto viralizou na internet e gerou duros comentários contra a jovem, que foi identificada como Emma Rogers, empresária e dona de uma academia de Crossfit da África do Sul.

A fotografia foi capturada no país africano, no santuário conhecido como Adventures with Elephants. Rapidamente, uma polêmica começou a se espalhar, com usuários fazendo declarações como “isso é horrível” e “ela não tem noção ou empatia”.

Após ser cobrada de uma resposta sobre as diversas fotos postadas em sua rede social Instagram, Emma apagou as publicações. Mais tarde, depois dos comentários continuarem, Rogers decidiu por excluir sua conta na plataforma.

Em comunicado, ela relatou: “Eu não acredito que compartilhar um momento incrível com este animal é cruel de forma alguma. Entretanto, há muitos humanos que só veem o lado negativo. Bater em elefantes é cruel, montar eles não é ideal, manter eles em ambientes horríveis e matá-los por seu marfim é cruel. Dar a eles um lar em seu ambiente natural e educar as pessoas sobre como eles são inteligentes e maravilhosos não é crueldade”.