Notícias » Arqueologia

Obra residencial revela antiga cidade romana na Inglaterra

A nova cidade da época do Império Romano mudou completamente a visão dos arqueólogos sobre a Bretanha romana

André Nogueira Publicado em 29/05/2019, às 14h00

Sítio descoberto em Kent
Sítio descoberto em Kent - Reprodução

Arqueólogos estão surpresos com a descoberta de uma cidade romana completa no caminho de uma estrada no Sul da Inglaterra. As escavações revelaram uma grande quantidade de construções e objetos romanos em bom estado de conservação.

O sítio, que abrange a Idade do Bronze e o Período Romano, contém moedas raras, cerâmicas, joias e um centro industrial significativo, encontrado a partir de pistas referentes à existência de um cemitério antigo na região.

A natureza da cultura material, como fornalhas de ferro raras e fornos de olaria, indica o alto status dos moradores da aldeia. Foram encontrados também um templo e uma estrada de 7m de largura.

Objetos encontrados em Kent / Crédito: Divulgação

 

Uma equipe britânica composta por 30 arqueólogos trabalhou em período integral no sitio, levando oito meses para classificarem o material encontrado.

Os artefatos encontrados mudam a forma de entendimento sobre a ocupação romana da Inglaterra, incluindo a descoberta da estrada, até então desconhecida.

A cidade foi desenterrada durante uma obra responsável pela construção de 124 casas numa futura área residencial. O plano é que, após a análise das descobertas e a publicação de um relatório científico, a vala criada no sítio seja recoberta para a continuidade das obras.

Os exércitos romanos invadiram a Grã-Bretanha em 43 d.C., criando a província da Britânia, onde mantiveram seu domínio por 400 anos.