Notícias » Personagem

Endereço no qual viveu Machado de Assis dará lugar a depósito

Durante mais de vinte anos, o escritor morou em um casarão localizado na Zona Sul do Rio de Janeiro

Redação Publicado em 09/10/2021, às 10h00

Machado de Assis e a casa onde viveu
Machado de Assis e a casa onde viveu - Domínio público / Fundação Biblioteca Nacional / Arquivo Nacional

Nascido no morro do Livramento em 21 de junho de 1839, o carioca Joaquim Maria Machado de Assis, foi um dos maiores expoentes da literatura nacional, que cativou multidões com seu estilo único repleto de diálogos com o leitor, ironias e personagens complexos, muitas vezes considerados persuasivos.

Ainda jovem, em 1855, publicou seu primeiro poema "Ela", no jornal o Marmota Fluninense, de Francisco de Paula Brito.

A partir daí, não tardaria muito até que o filho de Francisco José de Assis e Maria Leopoldina Machado de Assis fosse reconhecido como um dos melhores escritores não apenas de sua geração, mas de toda a história, tendo seus livros até mesmo traduzidos em outros países.

Fotografia de em torno de 1896 / Crédito: Domínio público / Academia Brasileira de Letras

 

O Bruxo do Cosme Velho

Talvez muitos não saibam, mas o autor de clássicos como Memórias Póstumas de Brás Cubas, Quincas Borba e Dom Casmurro, foi, durante anos, conhecido como o "Bruxo do Cosme Velho". O nome fazia referência ao bairro em que vivia, na Zona Sul do Rio de Janeiro.

Durante muito tempo, especificamente entre 1883 e 1908, Machado de Assis viveu em uma casa localizada em uma rua de mesmo nome do bairro, junto a sua esposa, Carolina, com quem se casou no ano de 1869.

No endereço onde antigamente ficava a casa do escritor há uma placa em sua homenagem / Crédito: Divulgação / Facebook / Rio - Casas & Prédios Antigos

 

No entanto, o apelido só se popularizou após Carlos Drummond de Andradeter escrito o poema “A um bruxo, com amor” em sua homenagem.

Possível última foto de Machado, datada do ano de sua morte / Crédito: Domínio público / Biblioteca Nacional de España

 

Nova transformação

A famosa e histórica residência de Machado não resistiu ao tempo, tendo sido demolida ainda na década de 1980. No local, foi construído um edifício de dez andares, sendo que hoje funciona no térreo a Garrafaria Assis.

De lembrança do renomado escritor brasileiro, uma placa branca em uma pilastra, informando a todos que Machado de Assis viveu ali.

De acordo com uma nota publicada na coluna de Ancelmo Gois, no O Globo, no último dia 5, o espaço passará a ter uma nova finalidade em breve: dará lugar ao depósito de um supermercado. 


+Saiba mais sobre o tema por meio de grandes obras:

1. Memórias Póstumas De Brás Cubas – Edição Exclusiva Amazon, de Machado de Assis (2019) - https://amzn.to/2RAiUzF

2. Bons Dias!, de Machado de Assis (2008) - https://amzn.to/2uJ1x6t

3. Relíquias de Casa Velha, de Machado de Assis (2014) - https://amzn.to/38NrtwQ

4. Memorial De Aires, de Machado de Assis (2000) - https://amzn.to/2t40Nsf

5. Quincas Borba, de Machado de Assis (2015) - https://amzn.to/2vpv85j

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W