Notícias » São Paulo

Enfermeira se confunde e aplica imunizante contra Covid-19 em bebê

A menina de seis meses recebeu um frasco inteiro da vacina da Pfizer, o que equivale a seis doses do imunizante; o caso aconteceu no interior de SP

Penélope Coelho Publicado em 27/01/2022, às 14h24

Imagem ilustrativa de bebê tomando vacina
Imagem ilustrativa de bebê tomando vacina - Getty Images

Bebê de seis meses passou três dias em hospital para observação, após ter recebido erroneamente a vacina da Pfizer contra a Covid-19, no lugar da pentavalente.

O caso aconteceu em Altinópolis, São Paulo , no último dia 17. A mãe da criança, que prefere não se identificar, informou que levou sua filha ao posto de saúde, para que o bebê recebesse a vacina que previne doenças como: meningite, tétano e hepatite e coqueluche.

No entanto, a técnica de enfermagem responsável pelo atendimento se confundiu e aplicou um frasco inteiro do imunizante da Pfizer. As informações foram publicadas nesta quinta-feira, 27, pelo g1.

“Quando a gente estava indo embora, ela [técnica de enfermagem] me chamou e disse que tinha aplicado uma vacina errada. Na hora que ela foi jogar o frasco fora, ela viu”, conto a mãe, em entrevista.

Segundo revelado na reportagem, a criança foi encaminhada diretamente ao hospital, onde seu quadro foi observado e examinado. Ela apresentou inchaço na perna em que recebeu o imunizante, além de dor e febre.

No dia 21, ela recebeu alta, mas, segue em observação em casa. Agora, a profissional responsável pelo erro enfrenta um processo administrativo, que visa apurar sua conduta.