Notícias » Espanha

Espanha enfrenta novo surto de vírus do Nilo Ocidental

Transmitida através da picadas de mosquitos, a doença já infectou mais de 10 pessoas e fez quatro vítimas fatais no sul do país

Pamela Malva Publicado em 14/09/2020, às 15h00

Imagem meramente ilustrativa de mosquito
Imagem meramente ilustrativa de mosquito - Divulgação/Pixabay

Em meio à pandemia do Coronavírus, o surto de uma outra doença está aterrorizando o sul da Espanha. Atualmente, de acordo com as autoridades do país, o chamado vírus do Nilo Ocidental já infectou mais de dez pessoas e fez quatro vítimas fatais.

Segundo a agência AFP, o surto da doença começou nas cidades de Coria del Río e La Puebla del Río, que ficam nas margens do Rio Guadalquivir. Dos atuais infectados, quatro estão internados em unidades de terapia intensiva (UTI).

Descoberto em 1937 em Uganda, o vírus do Nilo Ocidental é transmitido para humanos através da picada de mosquitos. Com sintomas semelhantes aos de uma gripe comum, a doença, em casos extremos, ainda pode causar tremores, febre, o estado de coma, uma inflamação cerebral conhecida como encefalite e até meningite.

Atualmente, frente ao surto que se inicia, o governo regional da Andaluzia exigiu que áreas úmidas da região sejam pulverizadas. A ideia é matar os mosquitos e, assim, reduzir o risco de transmissão da doença, impedindo um maior número de casos.