Notícias » Estados Unidos

Estátua de Trump é vandalizada em museu de cera de San Antonio

Essa não é a primeira vez que uma escultura do ex-presidente americano é alvo de polêmicas. Relembre-as!

Fabio Previdelli Publicado em 20/03/2021, às 08h25

Estátua de Trump ao lado de Vladimir Putin e Kim Jong-Un
Estátua de Trump ao lado de Vladimir Putin e Kim Jong-Un - Divulgação

Em San Antonio, no Texas, o museu de cera Louis Tussaud’s Waxworks passou por um momento inusitado nessa semana com a estátua que representa o ex-presidente americano Donald Trump

Segundo o jornal local San Antonio Express News publicou na última quarta-feira, 17, a escultura do republicano foi danificada com socos e arranhões por alguns visitantes do museu. Assim, a mesma precisou ser retirada de exposição. 

Apesar da peculiaridade, o diretor do museu de cera garante que não é raro que as estátuas de figuras públicas sejam vandalizadas pelos visitantes. Mesmo assim, a figura que representa Trump só deverá retornar ao museu até que uma escultura de Joe Biden seja adicionada ao acervo. 

Este não é o primeiro momento incomum que uma estátua de Trump passa. Depois de confirmada sua derrota para o democrata, no final do ano passado, o museu londrino do Madame Toussaud colocou uma roupa de golfe no ex-presidente americano.  

Já o museu de cera de Berlim, antes mesmo das eleições presidenciais americanas, colocou a escultura de Donald Trump em uma caçamba de lixo em frente a uma representação do Trump Tower. Junto da imagem do ex-presidente estavam algumas plaquinhas representando tweets escritos “You are fired” (ou, “Você está demitido”).