Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / México

Estátua gigante em formato de pênis é colocada em túmulo de idosa no México

Catarina Orduña Pérez, que morreu aos 99 anos, teria feito pedido polêmico antes de falecer

Redação Publicado em 29/07/2022, às 11h26

Pênis gigante foi colocado sobre túmulo de Catarina Orduña Pérez - Divulgação / Acervo familiar
Pênis gigante foi colocado sobre túmulo de Catarina Orduña Pérez - Divulgação / Acervo familiar

Uma estátua em formato de pênis foi colocada sobre o túmulo de uma mexicana de 99 anos de idade depois que ela própria pediu a seus familiares que instalassem o monumento após sua morte. A inauguração da estátua polêmica se deu no último sábado, 23.

De acordo com informações da Vice, os parentes de Catarina Orduña Pérez, a princípio, pensaram que ela estava brincando, porém, pouco antes de morrer, a mulher voltou a tocar no assunto, deixando claro que falava sério.

"Ela me disse que esse era o desejo dela, para que ninguém a esquecesse e para que tudo o que amávamos nela fosse lembrado com mais facilidade", disse o neto da idosa, Álvaro Mota Limón, em entrevista ao site americano.

Em busca da estátua

Segundo o UOL, a mexicana morreu em janeiro de 2021 e, desde então, a família passou a agir para realizar seu pedido. Os parentes de Catarina contrataram o engenheiroIsidro Lavoingnet, quem também pensou que tudo não passava de uma piada.

"Esse tipo de escultura não é comum, muito menos quando é feita em memória de alguém que morreu", disse o homem, que contou com ajuda de mais de dez pessoas para construir o monumento de 1,6 metro e quase 300 quilos. A estátua ficou pronta em um mês e sua inauguração contou com a presença de amigos e parentes de Catarina e também de uma banda.

Quebrando padrões

De acordo com o neto da idosa, a avó teria dito que o intuito do pedido era "quebrar os paradigmas dos mexicanos, que, às vezes, deixam as coisas escondidas por não terem mente aberta".

Conforme a fonte, depois que o caso viralizou, muitas pessoas procuraram pelos serviços do construtor. Por outro lado, houve também quem não aprovasse a ideia.

"A cada 10 pessoas, acho que sete veem a estátua de forma positiva. Se eles não veem de forma positiva, pelo menos eles respeitam o desejo dela. Há outros, porém, que, com seus valores conservadores, têm a mente fechada para a situação", revelou Álvaro.


+O site Aventuras na História está no Helo! Não fique de fora e siga agora mesmo para acessar os principais assuntos do momento e reportagens especiais. Clique aqui para seguir.