Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Brasil

Estudante de medicina ironiza morte de paciente: 'Morreu e eu não dormi'

As publicações da jovem, que trabalhava como estagiária em um hospital de Maceió, geraram revolta

Redação Publicado em 10/02/2022, às 14h20

Publicações realizadas pela estudante - Divulgação / Redes Sociais
Publicações realizadas pela estudante - Divulgação / Redes Sociais

Publicações realizadas por uma estudante de medicina em uma rede social gerou revolta na última terça-feira, 8.

Em seu perfil, a jovem reclamou da chegada de uma paciente em estado grave perto da hora de seu descanso. O incidente se deu na Unidade Mista Dr. José Carlos de Gusmão, no município de Marechal Deodoro, em Alagoas

“Faltando 10 min para minha hora de dormir, chega mulher enfartando e com edema agudo de pulmão, e agora já passou 1:30 da minha hora de dormir, tô p*ta”, disse ela.

Junto ao texto, a estagiária, quem é aluna do Centro Universitário Cesmac, em Maceió, publicou uma foto na qual aparecem o nome da paciente e os procedimentos realizados. 

Conforme informações do G1, pouco depois, a acadêmica publicou uma selfie na qual fez sinal de "legal" com uma das mãos e escreveu a seguinte mensagem: "Atualizações: a mulher morreu e eu não dormi”.

As publicações /Crédito: Divulgação/Instagram

A Secretaria Municipal de Saúde de Marechal Deodoro divulgou uma nota informando que tomou conhecimento do caso por meio do médico-chefe da unidade e que solicitou o desligamento da estudante do quadro de estagiários do município.

Já o coordenador do curso de medicina do Cesmac, André Falcão, revelou que a instituição soube do ocorrido através de grupos do WhatsApp e que a aluna permanecerá afastada do estágio até que o fato seja averiguado.