Notícias » Astronomia

Estudo discute possibilidade do nosso sistema solar ter abrigado um segundo sol

Hipótese surgiu para explicar, entre outras coisas, a presença do misterioso Planeta Nove

Ingredi Brunato Publicado em 20/08/2020, às 17h09

Montagem artística de um pôr-do-sol com um segundo sol
Montagem artística de um pôr-do-sol com um segundo sol - Divulgação

Uma pesquisa liderada pelo astrofísico Amir Siraj, da Universidade de Harvard, estuda a possibilidade de o nosso Sistema Solar já ter sido um sistema binário, isto é, com um segundo sol. Ele, no entanto, estaria a 150 bilhões de quilômetros de distância, lançando menos luz que o presente em uma noite de Lua cheia.

Segundo as informações publicadas no Astrophysical Journal Letters, as evidências para a teoria são duas particularidades cósmicas: a Nuvem de Oort e o Planeta Nove. A Nuvem de Oort está localizada na parte mais distante do nosso Sistema Solar, sendo composta de até 100 bilhões de objetos congelados. Só sabemos sobre ela, na verdade, porque de vez em quando um desses objetos tem sua órbita perturbada, e se torna um cometa. 

Já o Planeta Nove seria um corpo celeste do tamanho de Netuno, que também só foi identificado por conta dos efeitos gravitacionais que teria gerado no nosso e em outros sistemas solares vizinhos. 

Representação artística do Planeta 9 // Crédito: Wikimedia Commons 

 

A hipótese do Sistema Solar tendo sido binário em sua origem estaria relacionada ao maior potencial de “captura” que esse tipo de sistema possui. Isso é, sistemas binários puxam para si objetos cósmicos com mais frequência que os não binários, portanto, explicando a presença tanto da Nuvem de Oort quanto do Planeta Nove. 

Através do próximo passo do estudo, que é a verificação da hipótese, será possível após a construção - cuja conclusão está prevista para 2021 - do Observatório Vera C Rubin, no topo de uma montanha no Chile. Ele possuirá um telescópio capaz não só de encontrar o Planeta Nove, mas também outros objetos que podem estar no limiar do Sistema Solar sem que saibamos.