Notícias » Bizarro

EUA: Homem é atropelado por viatura que chamou em serviço de emergência após levar um tiro

Eric Cole havia sofrido com um disparo no braço, mas acabou falecendo no dia seguinte pelo trauma e sangramento do atropelamento

Wallacy Ferrari, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 21/06/2021, às 10h16

Imagem poética de cena de crime restrita
Imagem poética de cena de crime restrita - Imagem de Gerd Altmann por Pixabay

Durante um tiroteio, o norte-americano Eric Cole, 42, acabou sendo ferido por um dos disparos, ficando no chão de uma via local e, momentos depois, ao ligar para o serviço de emergência para solicitar amparo médico. Enquanto sangrava, aguardou deitado pela viatura, que o atropelou ao chegar ao local, como informa o portal UOL.

O caso aconteceu em Springfield no estado de Ohio, em 13 de março deste ano, resultando na morte do homem após ser conduzido ao hospital, no dia seguinte.

A autópsia apontou que o motivo do chamado era um tiro na parte de trás do braço esquerdo, que atravessou a pele e o tecido mole — mas teve a morte atribuída a um traumatismo contundente pelo sangramento interno e fraturas.

A polícia registrou que o trauma ocorreu pelo choque com o veículo por volta das 23h15 daquele dia, tendo a viatura conduzida pela oficial Amanda Rosales.

O chefe de polícia do condado, Lee Graf, afirmou que tratou-se de um acidente e que a policial tirou uma licença remunerada durante a investigação: "Isso não significa que está tudo bem, mas foi um acidente. Este não foi um ato intencional por parte do oficial. Tenho certeza disso", afirmou Lee.