Notícias » Estados Unidos

EUA: Homem é executado por crime que cometeu em 1999

Sabe-se que pelo menos mais quatro execuções devem acontecer até o final do mandato de Trump

Redação Publicado em 11/12/2020, às 11h02 - Atualizado às 14h29

Fotografia de Brandon Bernard
Fotografia de Brandon Bernard - Divulgação/ Bernard Defense Team

De acordo com informações publicadas pela BBC, o prisioneiro Brandon Bernard, foi executado na última quinta-feira, 10, em Indiana, Estados Unidos. Segundo revelado na publicação, houve pedido de clemência, mas, a petição foi negada pela Suprema Corte dos EUA.

Bernard tinha 40 anos e foi o criminoso mais jovem executado em quase 70 anos pelo governo federal norte-americano. O homem foi condenado por envolvimento no roubo e assassinato de Todd e Stacie Bagley em junho de 1999. Brandon foi um dos cinco adolescentes envolvidos no crime.

Antes de receber a injeção letal, suas últimas palavras foram dedicadas aos familiares das vítimas: "Sinto muito. Essas são as únicas palavras que posso dizer que capturam completamente como me sinto agora e como me senti naquele dia", disse o prisioneiro, de acordo com informações da agência de notícias Associated Press.

Sabe-se que a além da execução de Brandon, mais quatro execuções já estão marcadas para antes do final do mandato do atual presidente norte-americano, Donald Trump, muitos ativistas são contra a decisão do atual governo e protestaram contra a morte de Bernard.