Notícias » Estados Unidos

EUA: Parque Nacional do Vale da Morte atinge 54,4ºC e preocupa especialistas

De acordo com pesquisadores, esse pode ter sido a temperatura mais quente já registrada na Terra

Penélope Coelho Publicado em 17/08/2020, às 10h43

Foto panorâmica do Vale da Morte
Foto panorâmica do Vale da Morte - Wikimedia Commons

No último domingo, 16, a região do Vale da Morte, na Califórnia, Estados Unidos, pode ter atingido a temperatura mais alta já registrada até então, atingindo 54,4ºC. As informações são do portal de notícias BBC.

De acordo com a publicação, os dados estão sendo analisados pelo Serviço Meteorológico Nacional dos Estados Unidos, a fim de confirmar a informação sobre a temperatura mais quente já vivenciada na Terra.

A costa oeste dos Estados Unidos vem passando por uma grande onda de calor, que deve aumentar ainda mais nas próximas semanas. As altas temperaturas levaram a dois dias de apagão na Califórnia, depois que uma usina de energia enfrentou dificuldades em seu funcionamento em decorrência do clima escaldante.

Recordes

Anteriormente, o registro mais quente confirmado de forma confiável pelos especialistas ocorreu em 2013, também no Vale da Morte, que na ocasião atingiu 54ºC. Há cem anos, foi marcado que a região atingiu a temperatura de 56,6ºC, contudo, os dados são controversos e ainda não foram confirmados.

Os pesquisadores alertam para as consequências que o calor pode trazer à Califórnia. Os desdobramentos vão de problemas com a energia local, até os danos na saúde dos moradores e o impacto na agricultura da região.