Notícias » Ciência

EUA: Robô executa cirurgia sem ajuda de humanos

É a primeira vez que um robô realiza uma laparoscopia sem auxílio humano

Isabela Barreiros Publicado em 27/01/2022, às 08h14 - Atualizado às 09h40

Robô STAR realiza cirurgia laparoscópica nos EUA
Robô STAR realiza cirurgia laparoscópica nos EUA - Divulgação/Johns Hopkins University

Pela primeira vez, uma cirurgia laparoscópica foi executada por um robô sem ajuda de humanos, em um avanço importante para a medicina mundial, que tenta se automatizar cada vez mais.

O anúncio foi feito na última quarta-feira, 26, pela equipe de especialistas da Universidade Johns Hopkins, responsável por desenvolver o Smart Tissue Autonomous Robot, robô conhecido ainda pela sigla STAR.

Segundo os pesquisadores, a laparoscopia foi realizada no intestino de um porco. O procedimento cirúrgico, chamado ainda de anastomose, consiste em fazer a reconexão das extremidades de um intestino.

A cirurgia é tida como "o passo mais desafiador na cirurgia gastrointestinal". "O menor tremor da mão ou ponto mal colocado pode resultar em um vazamento que pode ter complicações catastróficas para o paciente", apontam os experts.

Para a universidade, o procedimento representa, portanto, um "passo significativo em direção à cirurgia totalmente automatizada em humanos". Axel Krieger, professor assistente de Engenharia Mecânica na Johns Hopkins, falou detalhes sobre a importância disso:

“Nossas descobertas mostram que podemos automatizar uma das tarefas mais intrincadas e delicadas da cirurgia: a reconexão de duas extremidades de um intestino. O STAR realizou o procedimento em quatro animais e produziu resultados significativamente melhores do que os humanos realizando o mesmo procedimento”.

Como noticiou a revista Época, a laparoscopia pode ocorrer em pacientes que tiveram parte do intestino removida para o tratamento de um tumor. Devido à exigência elevada de precisão, o robô sobressaiu-se em seus movimentos rápidos e repetitivos.