Notícias » Estados Unidos

EUA: Sete homens são presos após insultarem família negra com saudações nazistas

De acordo com a polícia local, os familiares estavam em uma praia em Oregon quando escutaram os xingamentos

Penélope Coelho Publicado em 06/07/2020, às 13h20

Imagem ilustrativa de um carro de polícia
Imagem ilustrativa de um carro de polícia - Pixabay

No último sábado, 4 de julho, durante as comemorações do Dia da Independência dos Estados Unidos, policiais do estado norte-americano de Oregon foram chamados para a atender uma ocorrência de racismo.

A situação aconteceu em uma praia, onde um grupo formado por sete homens assediou e insultou uma família de pessoas negras, que passavam pelo local.

De acordo com as informações da Fox News, os familiares informaram que os homens gritaram insultos raciais e saudações nazistas para eles. Quando as autoridades chegaram à região, os infratores ainda desafiaram os policiais e começaram a disparar fogos de artifício ilegalmente.

A família foi retirada da praia com o auxílio de uma escolta que assegurou a segurança dos parentes. Durante a queixa, eles afirmaram para a polícia que se sentiram intimidados pelo grupo.

Consequências

Os homens foram apreendidos e acusados de distúrbio, assédio e má conduta, além de responderem pela posse ilegal de fogos de artifício. Os agentes locais divulgaram os nomes da maioria dos cidadãos, todos pertencem ao condado de Clark, no estado de Washington.

São eles: Gennadiy Kachankov, de 30 anos; Antoliy Kachankov, de 28; Andrey Zaytsev, também com 28 anos; Oleg Saranchuk, de 45 anos; Ruslan Tkachenko, de 22 e Yuriy Kachankov, de 30 anos. O sétimo homem recusou a revelar sua identificação, como informaram as autoridades.