Notícias » Brasil

Ex-companheira de uma das mulheres mais procuradas do RJ lamenta morte da criminosa

'Hello Kitty' foi morta durante uma operação policial ocorrida no Rio de Janeiro na última sexta-feira, 17

Redação Publicado em 19/07/2021, às 10h21

Rayane em cartaz da polícia
Rayane em cartaz da polícia - Divulgação

Na última sexta-feira, 16, autoridades do Rio de Janeiro realizaram uma operação na comunidade do Salgueiro, São Gonçalo, Rio de Janeiro, que resultou na morte de ‘Hello Kitty’, Rayane Nazareth Cardoso da Silveira, braço direito de seu pai, Alessandro Luiz Viera Moura, conhecido no local como Vinte Anos. Os dois morreram após uma intensa troca de tiros. As informações são do portal de notícias G1.

Nas redes sociais, a DJ Isa, ex-companheira de Rayne publicou uma homenagem após seu óbito. “Vou te levar sempre comigo, meu amor”, disse ela em uma publicação.

Em outras publicações, ela destacou o dia como o pior de sua vida. “Pior dia da minha vida. Queria conseguir dormir para sonhar com você, meu anjinho”, desabafou Isa.

'Todo mundo tem defeito'

Quanto às críticas, a DJ rebateu internautas. “Todo mundo tem defeito, todo mundo erra. Gente, fala que ama hoje! Peça perdão, vença o orgulho porque a vida é um sopro”, disse ela.

O relacionamento entre ‘Hello Kitty’ e Isa ocorreu no ano de 2020. Apesar de Rayane ter sido uma das mulheres mais procuradas no Rio de Janeiro na época, o casal exibia o relacionamento através de imagens nas redes sociais. No entanto, a dupla acabou rompendo em abril de 2021, resultando em discussões através da rede social Twitter.

Agora, o Posto Regional de Polícia Técnica e Científica de São Gonçalo explicou que os corpos de pai, filha e mais duas pessoas foram liberados no último sábado, 17.