Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Brasil

Ex-ministro da Educação fala em 'desmascarar' o Exército brasileiro

Abraham Weintraub, que planeja concorrer a governador de SP nas próximas eleições, fez as afirmações durante uma live

Redação Publicado em 28/06/2022, às 16h45

Abraham Weintraub - Getty Images
Abraham Weintraub - Getty Images

Durante uma live divulgada através de sua conta oficial do Twitter, Abraham Weintraub, que ocupou o cargo de ministro da Educação durante parte do governo Bolsonaro, fez críticas às pessoas que controlam as Forças Armadas do país. 

Acho que chegou o momento de desmascarar quem domina o Exército brasileiro como instituição (...) quem participa é o povo, soldado, sargento, tenente, o problema está no topo, quem controla o Exército há muitas gerações", argumentou ele. 

Weintraub, vale mencionar, é atualmente um pré-candidato do PMB para o governo do estado de São Paulo. 

Positivismo

Durante o vídeo, o político ainda apontou que a corrente filosófica positivista, que foi desenvolvida pelo pensador Auguste Comte entre os séculos 19 e 20, seria a fonte de muitos problemas. 

Foi uma das descobertas que eu vi em Brasília: esse positivismo no Exército Brasileiro. É, talvez, o principal problema hoje. Enquanto a gente não resolver o positivismo, a gente não consegue desmontar o comunismo, o socialismo, a esquerda no Brasil", defendeu o ex-ministro da Educação. 

A gravação foi publicada por Weintraub com uma legenda que ataca os "generais que controlam o Exército", afirmando que eles são o problema, e não a solução. Confira o post abaixo: