Notícias » Arábia Saudita

Falcão é vendido por R$ 967 mil em leilão na Arábia Saudita

Na cultura saudita esses animais são considerados um símbolo de prosperidade, o que pode explicar o alto preço

Penélope Coelho Publicado em 15/10/2020, às 10h46

Imagem do falcão leiloado
Imagem do falcão leiloado - Youtube/Saudi Falcons Club

Conforme relatado pelo UOL, um falcão considerado jovem foi leiloado por 650 mil reais sauditas, cerca de R$ 967 mil na conversão atual da moeda, na última terça-feira, 13, na Arábia Saudita.

O clube organizador do evento, Saudi Falcon Club, afirmou que a ave capturada no nordeste do país é atualmente considerada como a mais valiosa da história. De acordo com a instituição, o falcão em questão possui: "características únicas e escassas na natureza" o que justificaria o preço da venda.

A ave da raça Shaheen é um tipo de falcão-peregrino, sabe-se que na cultura da Arábia Saudita esse animal é historicamente visto como um símbolo de prosperidade, força, coragem e também evidencia um padrão social alto. Contudo, a espécie é internacionalmente conhecida por estar em risco de extinção.

No país, o leilão de falcões da Saudi Falcon Club irá até 15 de novembro de 2020, o evento é realizado desde o ano 2017 com apoio do governo local, que por sua vez afirma que essa prática ajuda a preservar a atividade patrimonial da região.