Notícias » Israel

Família norte-americana tenta embarcar em voo com bomba em Israel

Os turistas pretendiam levar a bomba para casa como recordação

Redação Publicado em 02/05/2022, às 11h27

Bomba levada pela família
Bomba levada pela família - Divulgação / Israel Airports Authority

Uma família norte-americana causou momentos de grande tensão no Aeroporto Internacional Ben Gurion, em Tel Aviv, ao tentar embarcar para casa levando uma granada não detonada na bagagem. Segundo alegaram os turistas, o objeto seria uma lembrança da viagem.

De acordo com informações do UOL, a equipe de segurança local notou a presença de um objeto suspeito no scanner e, ao abrir uma das malas, encontrou a bomba embrulhada em uma sacola de plástico. O caso ocorreu no último dia 28.  

"Quando os turistas americanos chegaram para verificar sua bagagem, eles mostraram o pedaço da munição para a segurança", declarou um porta-voz da segurança do aeroporto ao jornal The Times of Israel. "Como era um fragmento de bomba, foi anunciada a evacuação da área".

Conforme informou a fonte, muitas pessoas que se encontravam no aeroporto no momento ficaram assustadas, acreditando se tratar de uma ameaça de um atentado terrorista.

Na confusão, um israelense de 32 anos acabou tendo de ser levado a um hospital após uma queda. "Houve muita gritaria. Eu apenas senti que tinha que correr para salvar minha vida", disse o homem ao jornal Ynet.

Bomba foi encontrada por criança

Segundo o UOL, a família visitava as Colinas de Golan, no norte do país, quando uma das crianças encontrou a munição no chão. Os adultos decidiram, então, levar o objeto para casa como recordação das férias, sem ao menos pensar no risco que corriam.

Depois que a segurança do estabelecimento descartou qualquer perigo e, após uma breve investigação, os norte-americanos puderam voltar para casa. No entanto, tiveram de deixar a granada para trás.