Notícias » Arqueologia

Ferramentas da Idade da Pedra são descobertas por pastor na Turquia

“Esta foi uma era de sociedades nômades onde as pessoas deixaram pouco mais do que ferramentas de pedra para trás”, explicou arqueólogo sobre período histórico dos objetos

Isabela Barreiros Publicado em 16/09/2020, às 14h14

Objetos encontrados em Tunceli, Turquia
Objetos encontrados em Tunceli, Turquia - Divulgação/Yasemin Yılmaz

Um jovem pastor foi responsável por encontrar uma grande coleção de itens de pedra que acreditou ser muito antiga na província de Tunceli, ao leste da Turquia. Umut Can Öner, de 16 anos, percebeu que a descoberta poderia ser de importância, então contatou arqueólogos que estavam trabalhando na região.

Os pesquisadores foram até o local e iniciaram uma escavação que durou quatro dias, revelando a possível origem do que constataram ser ferramentas feitas de pedra. Segundo Yasemin Yılmaz, um dos arqueólogos envolvidos no projeto, eles encontraram vestígios dos períodos Epipaleolítico e do Paleolítico Superior.

“Esta é uma região historicamente rica. Em Ovacık, encontramos vestígios do período Epipaleolítico , que antecede o primeiro período de assentamentos permanentes. Esta é uma era de sociedades nômades onde as pessoas deixaram pouco mais do que ferramentas de pedra para trás. É a primeira vez que encontramos vestígios desse período nesta região”, explicou Yılmaz.

O período histórico para os objetos ainda está muito amplo: conforme afirmou o pesquisador, eles podem datar entre 20 mil e 200 mil anos atrás. 

Além disso, o arqueólogo também destacou que itens feitos de pedra podem durar muito tempo, sendo a maioria dos que sobrevivem a longos períodos. “Certamente, eles provavelmente usaram ferramentas feitas de outros materiais, como madeira ou osso, mas a pedra é mais resistente. As ferramentas são usadas para finalidades muito diferentes - como facas, para cavar, para caçar e até mesmo cortar cabelo”, afirmou.