Notícias » Mundo

Filho de traficante que teria inspirado série da Netflix processa a plataforma

O colombiano William Rodríguez está acusando o serviço de streaming de 'comercializar' a imagem de sua família. Entenda!

Ingredi Brunato, sob supervisão de Pamela Malva Publicado em 04/09/2021, às 12h00

Fotografia de divulgação da série
Fotografia de divulgação da série - Divulgação / Netflix

A série "El Cartel de los Sapos — El Origen" (ou, em tradução livre, "O Cartel dos Sapos — A Origem"), produzida pela emissora colombiana Caracol Televísion e disponibilizada em setembro na Netflix dos EUA, fez da plataforma o alvo de um processo judicial

Segundo repercutido pela Rolling Stone na última sexta-feira, 3, a pessoa responsável por processar a gigante do entretenimento é William Rodríguez, o filho do traficante cuja vida supostamente teria servido de inspiração para a produção.

Embora a série acompanhe um criminoso de outro nome, muitos apontaram suas similaridades com o colombiano Miguel Rodríguez Orejuela, que era o líder do Cartel de Cali. O canal Caracol Televísion, por exemplo, também afirma que a produção foi baseada na famosa quadrilha.

O primogênito do traficante está acusando a Netflix de "comercializar" o nome e reputação de sua família, e ainda de mostrar uma versão dos fatos que seria uma "completa irrealidade".

Caso William alcance a vitória em tribunal, a produção, que ainda não chegou ao Brasil, será tirada do ar. O colombiano também está pedindo por compensações por conta dos "danos morais" causados pela série.