Notícias » Brasil

Fiocruz pede cuidado com surtos de gripe

Epidemia de gripe que vêm assolando o Rio de Janeiro; fundação alerta outros estados

Pedro Paulo Furlan, sob supervisão de Penélope Coelho Publicado em 11/12/2021, às 08h40

Imagem meramente ilustrativa de vírus
Imagem meramente ilustrativa de vírus - Divulgação/Pixabay/MintBlack4u

Nas últimas semanas, o estado do Rio de Janeiro presenciou um aumento considerável no número de casos de gripe, somando mais de 21 mil pacientes infectados com o vírus influenza A. Segundo novo boletim da Fiocruz da última quinta-feira, 9, outras regiões devem se preocupar com surtos da doença.

Com destaque grandes centros urbanos, como São Paulo ou Salvador, e regiões em que as medidas contra a Covid-19 tenham tido baixa adesão. O relatório intitulado 'InfoGripe' afirma que a epidemia do Rio de Janeiro pode vir a se repetir em outros lugares do Brasil.

Junto a isto, a Fiocruz aponta que em doze das unidades federativas brasileiras, estamos presenciando um aumento nos casos de SRAG, síndrome respiratória aguda grave, nas últimas seis semanas. No entanto, esta condição também é causada pelo coronavírus, o Sars-CoV-2, como afirma o coordenador do boletim, Marcelo Gomes, ao portal Terra.

"Diferentemente do apontado em atualizações anteriores, embora em muitos estados o crescimento ainda seja lento, os dados sugerem se tratar de um crescimento sustentado e recomenda-se a reavaliação das medidas de prevenção e transmissão de vírus respiratórios, especialmente em relação aos eventos de final de ano para evitar o agravamento do cenário epidemiológico”.

A nova preocupação com vírus respiratórios também segue o grande número de novos pacientes com SRAG, que têm idade abaixo de 60 anos, englobando jovens, adolescentes e, principalmente, crianças de até nove anos.