Notícias » Alemanha

Força-tarefa na Alemanha desmancha sedes de grupos neonazistas que planejavam ataques no país

De acordo com a Polícia alemã, há a suspeita que sete integrantes do bando preparavam ataques com coquetéis molotov contra uma mesquita e outros centros de imigrantes

Fabio Previdelli Publicado em 04/07/2020, às 10h00

Imagem ilustrativa de um neonazista
Imagem ilustrativa de um neonazista - Getty Images

Em comunicado na última sexta-feira, 3, a Polícia alemã informou que realizou uma operação para deter um grupo neonazista que agia em três Estados federados do leste do país, sob suspeita que sete integrantes do bando preparavam ataques com coquetéis molotov contra uma mesquita e outros centros de imigrantes.

De acordo com os policias, diversas armas e cartuchos de munição foram apreendidos durante a operação — que também encontrou símbolos nazistas deixados pela organização Freie Kräfte Prignitz.

O ato envolveu mais de 100 policias que foram divididos em seis casas que estavam localizadas nos estados de Brandenburg, Mecklenburg-Antepomerania e Saxony-Anhalt. Apesar da força-tarefa, nenhuma prisão foi informada. Em contrapartida, diversos computadores e telefones celulares foram confiscados.

As investigações estão sendo realizadas pelo Departamento Penal Regional (LKA) de Brandenburg. O Freie Kräfte Prignitz, conhecido desde 2014, integra lista de organizações criminosa de extrema direita contrárias à ordem constitucional do Escritório Federal para a Proteção da Constituição.