Notícias » Estados Unidos

Forte tempestade revela embarcação da Era Colonial nos Estados Unidos

A aparição foi registrada pela primeira vez em 1958, e só agora pesquisadores acreditam ter encontrado a sua verdadeira origem

Caio Tortamano Publicado em 01/04/2020, às 17h00

Naufrágio na cidade de Maine, nos Estados Unidos
Naufrágio na cidade de Maine, nos Estados Unidos - Divulgação

O arqueólogo marinho Stefan Claesson analisou um barco naufragado que aparece na costa de Maine, nos Estados Unidos, toda vez que a maré abaixa, e descobriu evidências que podem indicar que o navio seria pertencente ao período colonial dos americanos.

Os restos do barco apareceram pela primeira vez em 1958, e a pesquisa começou quando Claesson enviou uma amostra de madeira para ser analisada no laboratório da Cornell University. Os estudiosos, depois, visitaram o Museu Peabody Essex, e examinaram 50 anos de registros para ver qual dos navios condizia com as possíveis datas.

As análises constataram que a madeira é de 1753, e por mais que no século 18 os marinheiros simplesmente abandonassem navios na costa, esse pode não ter sido o destino do barco encontrado.

O arqueólogo Leith Smitha acredita que “provavelmente foi trazido até a costa por uma tempestade”, e que, sua identidade era o barco The Defiance, que é o que mais se encaixa na descrição.

Primeira vez que o navio foi jornalisticamente mostrado foi em 1958 / Crédito: Divulgação

 

Os restos do Defiance geralmente ficam cobertos por uma considerável camada de areia, que são movidos sempre que uma forte tempestade atinge a praia. Esse fenômeno aconteceu algumas vezes nos anos de 1958, 1978, 2007 e 2013. Quando o barco não é recoberto de forma natural, os locais se ocupam dessa tarefa como forma de preservar o histórico navio.