Notícias » Coronavírus

França quebra recorde diário de casos de Covid-19

Foram registrados 179.807 mil novos casos somente na última terça-feira, 28

Redação Publicado em 29/12/2021, às 08h13

Torre Eiffel, em Paris, França
Torre Eiffel, em Paris, França - Getty Images

A França quebrou seu próprio recorde de novos casos de Covid-19 na última terça-feira, 28, com 179.807 mil registrados. O fato ocorre três dias após o país ter ultrapassado a marca de 100 mil casos, número que, conforme afirmam especialistas, é reflexo da alta transmissão da variante ômicron.

"Tudo indica que possamos chegar a mais de 250.000 casos por dia até o início de janeiro", declarou o ministro da Saúde Olivier Véran, durante coletiva de imprensa realizada na última segunda-feira, 27.

No mesmo dia, o governo francês anunciou uma série de medidas de contenção da variante. Agora, todas as empresas que puderem deverão adotar o trabalho remoto, além de que a máscara tornou-se obrigatória nas ruas de intensa movimentação e em locais fechados.

Conforme informou o portal de notícias UOL, uma outra medida proíbe que bares e cafés sirvam clientes em pé, visando reduzir aglomerações nos estabelecimentos. Já em grandes eventos, o número limite de pessoas passou a ser de 5 mil pessoas, ao ar livre, ou 2 mil, nos casos de ambientes fechados.

Muitos especialistas têm criticado as atitudes do governo francês durante a pandemia, muito em razão da decisão de não adotar um toque de recolher que pudesse atrapalhar o Ano Novo e também pelo fato da volta às aulas não ter sido adiada, apesar do aumento dos casos de Covid-19.

"Acho que deveríamos ter intervindo quando a ômicron começou a aparecer na Europa" em meados de dezembro, disse ao Le Monde Dominique Costagliola, epidemiologista e diretor de pesquisa da Inserm. "Pelo contrário, jogamos à roleta russa na esperança do melhor", finalizou.